sábado, 15 de abril de 2017

Livro: O Sol também é uma estrela - Nicola Yoon
















Sinopse:" Natasha: Sou uma garota que acredita na ciência e nos fatos. Não acredito na sorte. Nem no destino. Muito menos em sonhos que nunca se tornarão realidade. Não sou o tipo de garota que se apaixona perdidamente por um garoto bonito que encontra numa rua movimentada de Nova York. Não quando minha família está a 12 horas de ser deportada para a Jamaica. Apaixonar-me por ele não pode ser a minha história.
Daniel: Sou um bom filho e um bom aluno. Sempre estive à altura das grandes expectativas dos meus pais. Nunca me permiti ser o poeta. Nem o sonhador. Mas, quando a vi, esqueci de tudo isso. Há alguma coisa em Natasha que me faz pensar que o destino tem algo extraordinário reservado para nós dois.


O Universo: Cada momento de nossas vidas nos trouxe a este instante único. Há um milhão de futuros diante de nós. Qual deles se tornará realidade?"

Comentando...

Li o primeiro livro da autora Nicola Yoon e me apaixonei pela escrita dela. Em O sol também é uma estrela temos a história de Natasha, uma garota que vai ser deportada para a Jamaica junto com sua família. Ela acredita em fatos concretos e na ciência, e não quer ir embora dos Estados Unidos.

“Hoje é minha última chance de tentar convencer alguém – ou o destino – a me ajudar a descobrir um modo de ficar nos Estados Unidos.” Pág. 12

Porém, Natasha vai conhecer Daniel, um garoto filho de coreanos. Daniel é voltado para as Artes, quer ser um poeta. Ele sempre cumpriu as expectativas de seus pais sendo um bom aluno, mas ele quer algo mais, algo que nunca se permitiu ser.

A química entre os dois vai ser grande, mesmo Natasha achando que não é possível sentir algo tão forte por alguém que acabou de conhecer. Ela vai perceber que algumas coisas na vida não podem ser explicadas cientificamente.

“Sei que não existe isso de ‘feitos um para o outro', no entanto fico imaginando se talvez não esteja errada.” Pág. 86

O livro é dividido entre a perspectiva de Natasha e Daniel, e também em partes que falam de personagens que aparecem no decorrer da história. Como a história é contada por diferentes lados podemos perceber que o acaso pode mudar e ou influenciar a vida de uma pessoa.

O livro nos dá a perspectiva de que coisas inevitáveis acontecem em nossas vidas e que um pequeno ato pode mudar a vida de uma pessoa. A história toda passa em apenas um dia e percebemos o quanto acontecimentos que acontecem em um instante podem influenciar nossa vida.

O final do livro é emocionante, mas algumas situações são deixadas em aberto e ficamos imaginando o que vai realmente acontecer com os personagens.

“A vida nem sempre acontece como a gente planeja.” Pág. 214

domingo, 9 de abril de 2017

Livro: O acordo - Elle kennedy















Sinopse: "Hannah Wells finalmente encontrou alguém que a interessasse. Mas, embora seja autoconfiante em vários outros aspectos da vida, carrega nas costas uma bagagem e tanto quando o assunto é sexo e sedução. Não vai ter jeito: ela vai ter que sair da zona de conforto… Mesmo que isso signifique dar aulas particulares para o infantil, irritante e convencido capitão do time de hóquei, em troca de um encontro de mentirinha.
Tudo o que Garrett Graham quer é se formar para poder jogar hóquei profissional. Mas suas notas cada vez mais baixas estão ameaçando arruinar tudo aquilo pelo qual tanto se dedicou. Se ajudar uma garota linda e sarcástica a fazer ciúmes em outro cara puder garantir sua vaga no time, ele topa. Mas o que era apenas uma troca de favores entre dois opostos acaba se tornando uma amizade inesperada. Até que um beijo faz com que Hannah e Garret precisem repensar os termos de seu acordo."

Comentando...

 O primeiro livro da série "Amores Improváveis" trata-se do amor entre um popular jogador de hóquei e uma inteligente aluna de música.

 Atrás do livro na sinopse tem um aviso "Conteúdo Adulto" então fica o alerta para que tipo de público é destinado essa leitura.

 A autora tem um vocabulário extremamente simples, narrando em primeira pessoa com os pontos de vista de Hanna e Garret; é algo tão informal que volta e meia parece que os personagens conversam com o leitor.

O leitor pode se surpreender, pois apesar de "O Acordo" ter essa linguagem simples trata-se de assuntos sérios. Estes ficam por conta do triste passado de Hanna e a família de Garret. Contudo, Elle Kennedy tenta não focar tanto no drama e sim na situação atual da vida dos personagens, o que torna a leitura mais agradável de acordo com o que a sinopse propõe.

 Há o depoimento de Anna Todd - autora famosa série de livros "After" e dá para entender porque ela está inserida com o depoimento, já que a personagem Hanna gosta da música do One Direction.

Poderia falar mais da leitura, entretanto, não quero dar spoilers, então acho que essa resenha proporciona um gostinho do que é esse livro.