sexta-feira, 2 de março de 2012

Um feitiço chamado de amor.

Em 2010 fiz aqui no blog meu primeiro "foletim", chamado "Procura-se um amor":





Depois deste, fiz um livro de romance, mas algo antigo, cujo título é "Um feitiço chamado de amor." E conforme for, a cada mês publico um capítulo. Espero que gostem!

 Título: Um feitiço chamado de amor.
 Autora: Luiza Elias Barbosa.



Capítulo I




Alguns não acreditam no amor, acham que este é apenas um feitiço. Mas será que esse sentimento tão puro é algo criado por bruxas, apenas para seus próprios benefícios ?






Por volta do ano, de 1797, Vizadi, era uma pacata cidade ao sul da Inglaterra. Onde pessoas de classes médias ou inferiores constituem a grande parte de sua população.Uma cidade pequena, com uma Igreja, um médico local, uma modista e repleto de pessoas que gostam de falar da vida alheia.


Uma grande casa de madeira branca, repleta de janelas num tom coral e um bonito jardim se destacam no meio das belas e frondosas árvores de Vizadi. Nela habitam a família Aubrey, composta de Peter o patriarca da família, sua esposa Emma, suas três filhas de idades e personalidades totalmente diferentes. Bárbara, a mais velha, alta,cabelos castanhos normalmente presos por um coques e fitas de cetim. Seu conceito de felicidade se resume a três itens (uma boa casa, filhos e marido).Ela foi prometida desde pequena ao seu primo John Aubrey. E sonha com seu casamento desde que se entende por gente. A filha do meio, é a Sarah.Possui a estatura mediana, olhos azuis, pele muito clara, longos cabelos pretos, que sempre usa solto porque adora a sensação do vento neles, por onde passa sua beleza chama a atenção.Recentemente completou suas 20 primaveras, é uma pessoa doce e romântica. Ama ler e é muito descontraída com sua família. A primogênita, a pequena Melissa, menina muito alegre que ainda brinca com suas bonecas de pano e porcelana.


Além de suas três filhas, a prima destas - Amy – mora na casa junto com a família Aubrey .Ela é irmã de Jonh, ambos perderam a mãe durante o parto que Amy nasceu. Como o seu pai é comerciante e viaja muito deixou sua filha aos cuidados de seu irmão, já John foi criado por seu grande amigo o Conde Martin Jones.


Amy tem a idade de Sarah, porém é uma moça ambiciosa e muito vaidosa. Apesar de ser tratada como membro da família Aubrey, nunca conseguiu se considerar como tal. Sua aparência se difere do resto da família. Ela tem os cabelos loiros, olhos azuis sempre compenetrados em algo. Adora se arrumar passa horas em frente à penteadeira contemplando a própria beleza. Dá-se muito bem com Bárbara- sua futura cunhada – e tenta se manter o mais afastada possível de Sarah, pois à inveja por sua beleza.


Apesar da casa onde a família Aubrey mora chamar atenção, eles têm uma vida muito simples, sem luxos, roupas novas somente quando as velhas estiverem ruins ou o terem alguma moeda sobrando para se dar à algum luxo, eles compõem uma família que de fato, pode-se disser que é feliz.

13 comentários:

  1. Lu ;D,

    ñ sabia que tu era escritora, mas fiquei feliz em ler esse início de história, gostei desse primeiro capítulo do Feitiço. Detalhando lugares, vestimentas e personalidades, acaba prendendo nossa atenção de um jeito único e já nos faz pensar no que porventura poderá acontecer com os personagens daí por diante.

    Vou ficar esperando pelo próximo cap., hein?hehehe

    Bjão!

    ResponderExcluir
  2. Oi!

    Bom, desculpa estar mandando este comentário, mas é que com esta mudança do GFC, acabou sumindo meu gadget antigo e gostaria muito que você me seguisse novamente para não perdermos os contato, o que acha? (:

    Um beijão,
    Pronome Interrogativo.
    http://www.pronomeinterrogativo.com

    ResponderExcluir
  3. Hey (:
    Você escreve também, é? Que bacana (: Gostei desse capítulo, muito bom :D

    Beijos, Vanessa.
    This Adorable Thing

    ResponderExcluir
  4. Que fofo, não sabia que você escrevia :D Adorei ><'

    Beijos
    aritmeticadasletras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Não sabia que você escrevia
    Muito bacana e gostei bastante
    Meus parabéns

    Beijos
    @pocketlibro
    http://pocketlibro.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Adorei esse primeiro capítulo!

    ^^

    Obrigada por seguir o Sook!
    Adorei seu blog e também estou seguindo.

    BjO

    http://the-sook.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Luíza, querida amiga! Você escreve muuuuuuito bem! Super inspirada e inspiradora em seus escritos. Desejo-te sucesso demais nesse seu dom querida! E espero ler mais posts adoráveis como este! Beijinhos ;-)

    ResponderExcluir
  8. Passando por aqui de novo para te dar parabéns pelo nosso dia!!!

    ^^

    BjO
    http://the-sook.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  9. Oi Lu!
    Nossa, tu é escritora, que legal! Adorei seu trecho, tem sucesso!

    Beijos, Kamila
    http://vicio-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Lu, quero ver mais e mais seus posts de excelente escritora que já és! Beijinhos amiga querida ;)

    ResponderExcluir
  11. Nossa, não sabia que você era escritora, que bacana :)
    Li o primeiro capítulo e gostei bastante, vou aguardar pelo próximo.

    Beijo&beijos
    Book is life

    ResponderExcluir
  12. uaaw, nossa que show, sempre quis escrever um livro. Por enquanto o seu está muito ótimo. Curiosa pra ler o segundo capitulo!

    Beijooos ♥

    ResponderExcluir
  13. antigamente lia mto mais os escritos dos blogs amigos, agora com menos tempo por causa da facu, mas tentarei passar por aqui sempre que possível p dar uma conferida...
    bj

    ResponderExcluir