sábado, 21 de outubro de 2017

Livro: Pegando Fogo - Abbi Glines


Sinopse: "Nan Dillon, a bad girl de Rosemary Beach, é uma garota imatura e egoísta que não tem outra preocupação na vida a não ser manter o corpinho perfeito. Só que Nan está longe de ser feliz: nunca teve o amor dos pais, o irmão adorado não tem mais tempo para ela, e Grant, o único homem de quem gostou de verdade, resolveu trocá-la pela meia-irmã dela. Então, quando Major Colt a convida para sair, ela não pensa duas vezes. Apesar de saber que esse texano charmoso e de fala mansa não quer nada sério, ficar com ele é melhor do que estar com as colegas fúteis ou passar as noites sozinha vendo televisão. Mas logo Nan fica farta do comportamento descompromissado de Major e, depois que ele a deixa plantada em casa mais uma vez, decide ir a Las Vegas para um fim de semana sem regras e sem limites. Lá, conhece Gannon, um empresário sedutor e perigoso que sempre diz exatamente o que ela quer ouvir. Quando Major vai atrás dela implorar por uma segunda chance e Gannon mostra que não é tão perfeito quanto ela pensava, Nan tem que decidir a quem entregar seu coração. O que ela não percebe é que os dois têm uma estratégia de longo prazo para ela – e já estão várias jogadas à sua frente."

Comentando...

Confesso que inicialmente não tive A animação em ler um livro especialmente sobre a Nan, afinal quem conhece as histórias que ocorrem em Rosemary Beach sabe que ela é a "vilã". Mas, inciando a leitura de "Pegando Fogo" comecei a me perguntar: E se eu não soubesse das maldades cometidas por Nan, visse a personagem pela primeira vez... Quais seriam minhas impressões sobre ela? No próprio livro, a autora cita que "Ninguém nasce um vilão". E Glines conseguiu construir uma história coerente e que capta atenção do leitor, o fazendo ler rapidamente.

 Não pensem que Nan, do nada fica boazinha e que suas maldades foram justificadas pela falta de amor da mãe e do pai, sendo ela a pobre coitada de tudo. Houve sim uma parcela em que suas maldades foram justificadas pelos pais, mas o mais importante é que Nan cria consciência dos atos dela. Mesmo assim continua com sua personalidade marcante: forte por fora contudo, carente por dentro.

Algo interessante é que o par ideal de Nan é tão problemático quanto ela. Não espere um amor doce e sim algo bem intenso no sentido carnal. Este, é o volume mais hot de todos com um toque de Cinquenta Tons de Cinza

Há narrativas alternadas entre alguns personagens em certos momentos mas não vou revelar os nomes para não dar spoiler, os que aparecem com mais frequencia são os pontos de vista de  Nan já que ela é o foco deste volume e Major.

Algo que chamou minha atenção é que sempre comentei que esta saga daria um ótimo seriado como foi o famoso Gossip Girl e para minha surpresa Abbi coloca Nan como fã da série. Então no livro há diversos momentos de Nan assistindo ao seriado.

A autora foi bem sensível e dedicou este livro para a sua avó que faleceu enquanto ela escrevia esta obra.

"Pegando Fogo" fecha bem a série de Rosemary Beach que já deixa um toque de saudade.

5 comentários:

  1. Ainda não li nada dessa série, já tive vontade, mas confesso que é tão longa que nem sei...
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Oi Lu,
    Eu adoro a Abbi Glines, mas preciso continuar a ler os livros dela.
    Só li 3 até agora e esse está na lista de desejados.
    beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oi Lu, tudo bem?
    Nunca li nada dessa autora, mas dizem que ela manja de cenas hot. :P
    Achei super legal ela escrever um livro focado na vilã!
    Beijos,

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
  4. Oie
    Faz tempo que eu parei de ler esta série, mas a escrita da autora é muito boa.

    Beijinhos
    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi, Lu

    Abby GLines e suas séries longas... não li nada dela. Mas, sei que ela causa furor...

    XOXO
    Mia Duarte

    ResponderExcluir