quarta-feira, 12 de fevereiro de 2020

Livro: Um Acordo Pecaminoso - Lisa Kleypas











Sinopse: Lady Pandora Ravenel é muito diferente das debutantes de sua idade.   Enquanto a maioria delas não perde uma festa da temporada londrina e sonha encontrar um marido, Pandora prefere ficar em casa idealizando jogos de tabuleiro e planejando se tornar uma mulher independente.
 Mas certa noite, num baile deslumbrante, ela é flagrada numa situação muito comprometedora com um malicioso e lindo estranho.                                                        Gabriel, o lorde St. Vincent, passou anos conseguindo evitar o casamento, até ser conquistado por uma garota rebelde que não quer nada com ele. Só que ele acha Pandora irresistível e fará o que for preciso para possuí-la.                                                                    Para alcançar seus objetivos, os dois fazem um acordo curioso e entram em uma batalha de vontades divertida e sensual, como só Lisa Kleypas é capaz de criar.
Comentando...
  O primeiro fato que vem a minha mente depois deste leitura é : "Preciso ir em um baile e ficar presa em um banco" .Quem não leu vai achar totalmente estranho o meu desejo mas depois de ler as primeiras páginas de uma cena um tanto cômica entenderão. O título original é "Devil in spring" (Diabo na primavera) que particularmente acho um título melhor pois a protagonista certa vez refere-se a Gabriel como um diabo no sentido de a deixar nervosa e causar sensações que não conhecia. 
  Trata-se do volume 3 da saga "Os Ravenels" cada livro destaca um membro da família e recomendo ler na ordem. Admito não estar tão ansiosa assim pela história de Pandora. Contudo, a autora surpreende o leitor e não há como não se apegar a querida protagonista. O seu par romântico lorde St. Vicent - Gabriel - é  nada mais que filho de Evie- personagem do livro "Pecados no Inverno" que foi o meu favorito da série "As quatro estações do amor". Então, descobri que definitivamente tenho uma queda por Vicent e companhia.
 Pandora é uma moça que deseja ser independente, preza sua liberdade e sonha em ver jogos de tabuleiros criados por ela sendo produzidos e vendidos. Apesar de conservar a inocência em seus pensamentos e ações, já demonstra ser decidida e uma mulher a frente de seu tempo:
" [...] Quando pequena jamais gostei de histórias sobre princesas esperando para serem resgatadas. Nunca fiz pedidos para estrelas cadentes nem arranquei pétalas de margarida enquanto recitava bem me quer, mal me quer" - Página 40
"— Quer saber por que adoro jogos de tabuleiro? Porque as regras fazem sentido, e são as mesmas para todos. Os jogadores tem oportunidades iguais." - Página 171
 Gabriel é um personagem apaixonante, bem humorado e que não luta contra seus sentimentos:
" Santo Deus, ela realmente andava em círculos...A pontada de ternura que Gabriel sentiu no peito foi como uma dor.
 Ele queria que todos os círculos de Pandora a levassem até ele." - Página 107
 A autora sabe colocar o tom doce nas palavras:
"Quando encarou os olhos sorridentes dele, Pandora teve a sensação de que todas as janelas de seu coração se abriam." - Página 122
 Kleypas consegue melhorar a cada livro! Um romance sensual, carga dramática porém nada forçado e sim algo que faz entender melhor a protagonista apresentada desde o livro 1, toques perfeitos de humor, diálogos empolgantes e o enaltecimento do Feminismo. Tanto que ao final, a  autora explica ,por exemplo, que a personagem Pandora é uma homenagem a Elizabeth Magie criadora real de alguns importantes jogos de tabuleiros.
 A editora mantêm a diagramação dos volumes anteriores e fez uma linda arte na capa. Um livro que certamente marcará quem gosta de um romance de época.

8 comentários:

  1. Oi, Luiza

    Eu detestava a Pandora no início da série, mas felizmente nesse livro ela conseguiu reverter meu ranço. Acabei gostando bastante!!

    Beijos
    - Tami
    https://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
  2. Oii, menina eu ouço muito falar desse livro, da série em geral. Acho bem legal, mas sei lá, ainda não tô querendo ler eles sabe? haha Mas amei sua resenha, já fico imaginando como as primeiras páginas devem ser divertidas.
    Jardim de Palavras

    ResponderExcluir
  3. Oi Lu, tudo bem?
    Terminei essa leitura semana passada e, como você, eu amei. Achei o Gabriel perfeito, especialmente por querer dar a independência que Pandora sempre exigiu. E ela é muito carismática e empoderada!
    Beijos,

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
  4. Oi Lu,
    Estou com essa série na minha lista de desejados há tempos, mas como estou meio travada nos romances de época, estou priorizando outros livros, mas não desisti dela. Assim que ver uma promoção, começo a adquirir os livros!
    Beeeeijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Acho que preciso ler a história toda do começo, para me ligar nos personagens. Não conheço a história, mas parece ser bem interessante. Bjks!

    Mundinho da Hanna
    Pinterest | Instagram | Skoob

    ResponderExcluir
  6. Oi, Lu!
    Ah, a Lisa Keyplas é maravilhosa em tudo o que escreve, né?
    Eu ainda não comecei essa série dela. Mas já quero ir num baile e ficar presa num banco. Se for com um bonitão lorde inglês melhor ainda, hahaha.

    Beijoooos

    Teca Machado
    www.casosacasoselivros.com

    ResponderExcluir
  7. Quero muito ler algo da autora, só vejo elogios!!

    Beijos

    Imersão Literária

    ResponderExcluir